Resenha ‘O Acordo – Elle Kennedy’

Oi ooooooi gente! Hoje vou dar início a resenha da série Off Campus ou, como ficou conhecida aqui, série Amores Improváveis. Sim sim, eu to atrasadona com a série, mas queria ler tudo junto, então… agora vai! Cada semana eu vou liberar a resenha de um livro. Vamos começar com O Acordo, lançado lá em maio de 2016. Vamos começar com a sinopse…

“Hannah Wells finalmente encontrou alguém que a interessasse. Mas, embora seja autoconfiante em vários outros aspectos da vida, carrega nas costas uma bagagem e tanto quando o assunto é sexo e sedução. Não vai ter jeito: ela vai ter que sair da zona de conforto… Mesmo que isso signifique dar aulas particulares para o infantil, irritante e convencido capitão do time de hóquei, em troca de um encontro de mentirinha. Tudo o que Garrett Graham quer é se formar para poder jogar hóquei profissional. Mas suas notas cada vez mais baixas estão ameaçando arruinar tudo aquilo pelo qual tanto se dedicou. Se ajudar uma garota linda e sarcástica a fazer ciúmes em outro cara puder garantir sua vaga no time, ele topa. Mas o que era apenas uma troca de favores entre dois opostos acaba se tornando uma amizade inesperada. Até que um beijo faz com que Hannah e Garrett precisem repensar os termos de seu acordo.”

Nesse livro vamos conhecer o primeiro dos quatro amigos que dividem uma casa. Eles são jogadores do time de Hóquei da faculdade, super populares, pegadores e maravilhosos. Quem iremos conhecer mais a fundo nesse momento é Garrett.

Fico imaginando se ser gostoso é pré-requisito para morar nesta casa.
Não que um dia vá perguntar isso a Garret. Seu ego já é grande o suficiente.

Mas, o livro começa mesmo é com a Hannah narrando. Ela está em uma aula com o seu crush e esta lá toda apaixonada por ele, enquanto todos os alunos vão descobrindo que estão indo super mal em uma matéria, menos ela. E é no final dessa aula, que seu caminho começa a se cruzar com o de Garrett. Quando seus livros acabam indo parar no chão, ele vai ajudar e percebe que Hannah gabaritou a prova. E, como ele não pode bombar na matéria, pede para que Hannah dê aulas particulares para ele.

Então temos o primeiro momento divertido do livro, quando a Hannah não cai nem um pouquinho em todo o charme que Garrett exala. Nem no seu sorriso, nem na conversa mole, nem nada. Hannah esta com a cabeça cheia de compromissos, principalmente com os ensaios para o festival de inverno.

“Esse sorriso de menino pidão… te ajuda a conseguir as coisas?”
“Sempre”, respondo, sem hesitar.
“Quase sempre”, me corrige.

É no final de uma festa que Garrett acaba convencendo Hannah a dar aulas para ele, em troca de ajudá-la a conquistar Justin. Nessas aulas, eles vão se aproximando, se tornando amigos e cada um deles vai descobrindo que vários pensamentos que um tinha do outro estavam errados.

O que começa a mudar a história é quando, no meio de uma aula, surge um desafio que acaba em beijo e o clima entre eles entra em outro nível. A química começa a ficar mais evidente. Hannah passa a confiar cada vez mais em Garrett a ponto de beber em uma balada que eles vão – coisa que ela não faz nunca – e então, decide que quer mais beijos e até algo mais.

“Ah, então suas garotas vazias ficam com o sexo, e eu tenho que aturar sua tagarelice?” Ela balança a cabeça. “Estou me sentindo no prejuízo nesse negócio.”
Arqueio as sobrancelhas. “Ah, você quer o sexo também, Wellsy? Fico feliz em oferecer para você.” 

Hannah não bebe em festas e baladas por algo que aconteceu em seu passado. Algo pesado e que marca a vida de uma pessoa. Mas o que eu amei na história dela, é que ela não deixou que isso ditasse um rumo ruim na sua vida. Deixou marcas, tristezas? Sim. Mas ela não deixa de se divertir, de curtir a vida. Só toma mais cuidados. E é com Garrett que ela se sente confiante o suficiente para contar tudo o que aconteceu e fazer um pedido.

O passado de Garrett também não é nada legal. Mas o dele tem a ver com a família, mas especificadamente, seu pai. Isso o fez sofrer e ainda faz, mas ele passa a contar com Hannah do seu lado e ele sabe que logo mais ele irá tomar as rédias de sua situação.

231.JPG

Juntos, eles vão construindo uma amizade, confiança e um amor puro. Mesmo com todos os problemas e sofrimentos dos passados de ambos, juntos eles vão superando tudo, se envolvendo mais e torcendo pelas vitórias um do outro.

E isso demonstra o quanto Hannah Wells é… maravilhosa. É tão atenta a mim, meu humor, minhas dores. Nunca estive com alguém que me entendesse tão bem.

Ah, quero comentar sobre os amigos dos nossos protagonistas. Do lado de Hanna, temos Allie. Ela é melhor amiga mesmo, super fofa. Já Garrett divide a casa com seus amigos e companheiros de time: Logan, Dean e Tucker. Conhecemos um pouco dos meninos e eles também trazem momentos divertidos. Logan é um pouco mais citado que os outros, mas acredito que é para dar gancho ao livro dele, que é o próximo da série.

O que me fez amar loucamente desse livro é que ele é um New Adult gostoso de ler. A leitura é mega fluída, hiper prazerosa. Nós podemos rir em vários momentos. Eu passei mal com as mensagens de textos – uma em especial, me fez até chorar de tanto rir -, com as tiradas de Garrett e Hannah – que é chamada de Wellsy. Além dos meninos, eles são doidos demais.

232.JPG

O livro é mais voltado para uma comédia romântica. Tem drama? Aquele básico, mas nada absurdo. Ele tem aquele clichê que a gente ama ler e se esbalda. Eu estou completamente encantada com a escrita da Elle. Meu sentimento ao acabar o livro, foi fechar e querer começar tudo de novo. É um livro pra nos tirar de uma ressaca literária ou quando a gente quer se divertir.

O primeiro livro da série, com certeza, ganha cinco Angélicas e eu já vou correr pro próximo, porque eu quero muito ver o que vem pela frente!

CLASSIFICAÇÃO 5 ANGÉLICAS

 

 

 

Anúncios

24 comentários em “Resenha ‘O Acordo – Elle Kennedy’

  1. Raíssa, li esse livro há um tempinho atrás, e gostei bastante!
    E não tem como não se apaixonar pelo jeito fofo que Garrett cuida da Hanna no decorrer da história.
    Gostei do jeito como os dois se protegem.

    Não li ainda os outros livros. Mas pretendo!

    Ótima sugestão de livro!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Aaaaai, não tem né? Ele é demais. Ambos já entraram para o meu rall de protagonistas preferidos. Amo o cuidados entre eles.

      Eu to preparando a resenha do segundo e lendo o terceiro já. Depois veja se consegue ler também. 💜

      Curtir

    1. Eu te entendo. Há uns meses eu sai da minha zona de conforto. Apesar de achar que nem tenho uma, porque leio de tudo. Costumo pega um gênero dependendo do meu humor.
      E obrigaaada!

      Beijos.

      Curtir

    1. É super agradável. E não Marcinha. Não quis colocar isso nessa resenha, porque falarei no segundo, os meninos são hiper fiéis quando começam a se envolver. E apesar de ser série, cada livro é sobre um amigo. Beijos.

      Curtir

  2. Mais um para lista, gosto quando o casal se conhoce primeiro, tem amizade antes daquela “paixão” que parece que derrete o miolo dos personagens rsrsrsrs. Gosto muito de comédias românticas vou ler para ver se saio da ressaca que o último livro da Dani Atkins me deixou.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Ai Carol, eu também. Gosto de amor a primeira vista, mas gosto mais quando tem toda uma construção delo amor. E aiii, acho que vai te ajudar sim. Os livros da Dani são de acabar com o emocional rs

      Curtir

    1. Oi Paulinha. Olha, se você não gostar, vai ser a primeira que eu já vi rs. Mas confesso que entendo seu medo. Eu mesmo já evitei certos livros por um tempo, por causa disso rs.

      Tomara que quando você ler, goste mesmo! Beijos.

      Curtir

  3. Oi Raíssa, tudo bem?

    Desde que essa série estou louca para ler, mas assim como você, esperei lançar todos os livros para depois começar a ler, não gosto de sofrer antecipadamente. Pela sua resenha já vi que vou amar esse livro, pois adoro um bom clichê e histórias que giram nesse ramo. Fiquei curiosa para saber o que aconteceu no passado com a Hanna. Vou correndo comprar esse livro para lê-lo. Parabéns pela resenha, ficou maravilhosa!

    Beijos!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oi Alice. Pior que pelo o que eu já li, o único que nos deixaria louca de curiosidade, seria do terceiro para o quarto, porque só esse tem gancho de um livro pro outro. Mas, não me arrependo. Ai, o passado dela é babado e ela revela mt rápido pra gente, só pro Garret que demora mais um pouco.
      Obrigaaaada!
      Beijos.

      Curtir

  4. Oi Raíssa!
    Eu confesso que achei bem clichê e previsível essa história. Talvez a diferença seja justamente as tiradas de comédia. Darei uma chance a série, em breve 🙂

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s